Extremista que agrediu telespectadores de filme sobre Olavo de Carvalho na UFPE é funcionário da universidade

COMPARTILHAR

PERNAMBUCO — A exibição do filme “O Jardim das Aflições” na Universidade Federal de Pernambuco ganhou repercussão nacional após o ataque que telespectadores sofreram por parte de um grupo de extrema esquerda que tentou censurar a exibição do longa-metragem de Josias Teófilo sobre o filósofo Olavo de Carvalho.

O ILISP publicou que um dos agressores, identificado como Marcos Danilo, trabalha na própria UFPE desde 2016, na Pró-Reitoria de Planejamento, na Coordenação de Análise de Pagamentos. A informação consta em seu perfil no Facebook. Também foi feito pelo ILISP uma consulta no Portal de Transparência do Governo Federal e não há registros de Marcos, o que leva a crer que ele não é concursado, portanto, não poderia ocupar função a instituição.

A UFPE não se pronunciou sobre o caso até o momento.

Fonte: ILISP

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta