Volta de Dirceu à prisão está para ser decretada

COMPARTILHAR

BRASÍLIA — José Dirceu foi citado pelos ministros Luís Roberto Barroso e Gilmar Mendes na semana passada durante o plenário do Supremo Tribunal Federal.

Mendes disse que Barroso “soltou José Dirceu” e recebeu a resposta de que o petista só foi solto depois da decisão da 2ª Turma do STF, integrada também por Mendes.

A defesa de Dirceu acredita que as citações podem ter impacto negativo sobre outros tribunais: “Ao usar na briga o exemplo de soltá-lo como se fosse algo negativo, quem vai ter coragem algum dia de inocentá-lo?”, diz o advogado Roberto Podval.

 

 

Fonte: Folha de S. Paulo.

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta