Líder do PSOL, Toninho Vespoli passa vergonha com 2 votos para presidente da Câmara de SP

COMPARTILHAR

O vereador Toninho Vespoli (PSOL) lançou nesta sexta-feira (15) sua candidatura para presidência da Câmara Municipal de São Paulo, mas o parlamentar ultraesquerdista contou apenas com 2 votos, entre eles o seu próprio.

O outro voto, no entanto, também partiu do PSOL. Sâmia Bonfim, denunciada recentemente por ter montado um esquema de financiamento partidário e de militância com dinheiro público, deu o segundo voto de Vespoli.

Reeleito, Milton Leite teve 44 votos entre os 47 parlamentares presentes, de um total de 55.

 

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta